BLOG POST

23 de setembro de 2021




Qual é o futuro da antena parabólica?

O Brasil segue avançando no desenvolvimento de novas tecnologias e o 5G está vindo a todo vapor em um movimento já iniciado pela ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações), com o edital das frequências que serão leiloadas para instalação da tecnologia. Uma dessas faixas de frequência é a de 3,5GHz, muito próxima da Banda C, usada no Brasil para disponibilizar o conteúdo de TV aberta via satélite no sistema conhecido como TVRO.

O que ocorre é que se os dois serviços (5G e Banda C) ocuparem a mesma faixa, é possível que existam interferências, prejudicando o funcionamento de ambas as tecnologias. Por isso, as operadoras que ganharem o leilão do 5G precisarão migrar os atuais serviços e clientes da Banda C para a Banda Ku, sendo esta última uma nova faixa de frequência localizada entre 10,7 GHz e 18 GHz.

Em entrevista para o no canal do Youtube da UNISAT Consultoria, Engenharia e Treinamento em Telecomunicações, nosso Gerente de Produtos de TV, Márcio Cauduro, explica como funcionam as faixas de frequência do espectro eletromagnético. Assista o vídeo completo clicando aqui!

 

O que você precisa saber?

1) O processo de migração para Banda Ku não está totalmente definido e deverá ser estabelecido nos próximos meses;

2) Durante o processo de migração, o sinal TVRO estará simultaneamente disponível na Banda C e na Banda Ku, pelo prazo de até 18 (dezoito) meses a contar da disponibilização dos sinais das emissoras em banda Ku, e poderá ser prorrogado por decisão do GAISPI até 31/12/2025;

3) Enquanto as emissoras de TV mantiverem o sinal aberto na Banda C e não for instalada uma antena de 5G próxima da antena parabólica Banda C do cliente, o serviço continuará disponível normalmente.

4) O edital prevê, também, que beneficiários do Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal devem receber kits de migração compostos de receptor, antenas e acessórios. Todos os demais clientes precisarão providenciar os equipamentos necessários para realizar a migração para a Banda Ku.

 

E como a Elsys fica nessa mudança da Banda C para a Banda Ku?

A Elsys está no mercado de receptores de TV há mais de 25 anos com soluções de TV e Internet, e ao longo desse tempo revolucionou o mercado de TV via Banda C com produtos que facilitam a vida dos clientes e instaladores, acompanhando todas as mudanças.

Com toda essa experiência, a Elsys já está trabalhando para facilitar o processo de migração da TVRO para a Banda Ku  e oferecer o melhor aos seus clientes e parceiros.

Para conhecer todas as soluções Elsys para TV, clique aqui!

 


« Voltar




Receba nossos conteúdos gratuitamente!

Não te mandaremos spam!

Pin It on Pinterest