BLOG POST

3G  |   celular  |   Celular de Mesa  |   Telefone Rural  |   Telefonia  |  30 de outubro de 2018



o-que-mais-voce-precisa-saber-sobre-o-sinal-digital

O que mais você precisa saber sobre o sinal digital?

O sinal digital terrestre ainda gera muitas dúvidas e, por isso, resolvemos responder a algumas questões básicas e recorrentes para quem quer entender melhor o sistema que em breve estará em vigor, cobrindo todo o território brasileiro.

1) O que é uma imagem Full HD?

Ao olhar a tela da sua TV bem de perto, você verá que a imagem é formada por pequenos pontos. Esses pontos são chamados de pixels e, quanto mais pixels, melhor é a resolução da imagem. Uma TV comum tem 640 pixels na direção horizontal e 480 pixels na direção vertical. Já no caso de alta definição, ou HD, a imagem tem 1.280 pixels na direção horizontal e 720 pixels na vertical em um televisor de LCD, LED ou plasma comum. Uma TV Full HD é ainda melhor: oferece resolução de 1.920 x 1.080 pixels. Isso quer dizer que a TV Digital Full HD proporciona uma imagem seis vezes melhor do que a da TV de tubo. Além da definição muito superior da imagem, a TV Digital tem o formato de tela 16:9, enquanto na TV comum, o formato é o 4:3.

2) Que outras vantagens o sinal digital oferece?

Uma delas é o áudio. Se você possui um home theater, então poderá ouvir os seis canais de áudio que são transmitidos pela TV Digital. Será possível notar uma grande diferença ao assistir a um programa que possui diversas fontes de sons na mesma cena, tais como shows musicais, filmes de ação, partidas de futebol e programas de auditório. Outra vantagem é que o sinal digital traz possibilidade de troca de informações: enquanto no analógico a emissora apenas transmite, no digital ela é capaz de receber informações dos telespectadores.

3) Tenho que pagar para ter TV Digital?

Não. O sinal digital é totalmente grátis, mas você precisa ter um aparelho de TV adequado ou adaptado para receber o sinal.

4) Tenho uma TV de tubo, como descubro se ela recebe sinal digital?

Aparelhos televisores de tubo não recebem o sinal digital sem uma adaptação. Será necessário adquirir um conversor digital externo e uma antena UHF. Informe-se em uma loja especializada sobre as melhores opções para o seu caso.

5) Tenho uma TV de tela fina, mas não sei se é digital. Como descubro?

Se a sua TV de LED, LCD ou Plasma não tiver o selo DTV, provavelmente ela não possui um conversor integrado. Nesse caso, para ter certeza, o ideal é consultar o manual do aparelho ou ligar para o fabricante. Geralmente, as TVs fabricadas nos últimos 5 anos já vêm de fábrica com o conversor digital integrado, mas pode haver exceções.

6) Minha TV não é compatível com o sinal digital. O que posso fazer?

Como dissemos, é possível adquirir um conversor digital que resolverá facilmente o problema. Como o próprio nome diz, o conversor transforma o sinal digital que chega à sua casa em um sinal compatível com a sua TV. Você deve escolher o seu conversor de acordo com o seu aparelho. E, para cada TV da sua casa, você vai precisar de um conversor individual para receber o sinal.

7) O que é preciso para conectar um conversor?

Geralmente, o conversor deve se conectar à TV por um cabo HDMI, geralmente já fornecido com o conversor. Se o televisor dispõe de mais de uma entrada HDMI, escolha uma e lembre-se de selecionar no televisor a entrada correspondente: entrada HDMI 2, selecione canal HDMI 2.

8) Como configurar um conversor?

Cada caso é diferente, mas a primeira coisa é verificar se ele está instalado e ligado na tomada. Conecte-o à antena antes de ligá-lo. Muitos aparelhos já fazem a busca de canais automaticamente quando são ligados, realizando uma varredura dos canais disponíveis na região. Na própria TV, identifique como visualizar a imagem que vem do conversor. A partir desse momento, os comandos serão feitos através dos botões do controle remoto do conversor. Consulte o manual do conversor para o passo a passo da configuração.

9) O que é necessário além do conversor para receber o sinal digital?

Em alguns casos, será necessário trocar a antena da sua casa. O sinal da TV Digital é geralmente transmitido em UHF, mas nas regiões metropolitanas de algumas grandes cidades existem canais digitais também em VHF. Por isso, é bom conferir qual a sua antena para ter certeza de que você está tendo acesso a todos os canais disponíveis. Mais uma vez, é importante conversar com um técnico especializado, pois ele saberá informar a melhor solução para a sua casa e os seus aparelhos.

10) Que antena devo comprar?

Para ter certeza de que está recebendo todos os canais digitais, providencie uma antena UHF ou uma antena combinada VHF+UHF. Antenas que só pegam o sinal VHF não são ideais para receber o sinal digital, pois elas ficam limitadas às opções oferecidas por um canal não padrão para o digital.

11) Corro o risco de ficar sem sinal na TV?

Em breve, sim. O sinal de TV aberta atual, que é o Sinal Analógico terrestre, deixará de ser transmitido quando sua cidade já estiver recebendo o sinal de TV Digital aberta. Isso significa que sim, você terá de migrar, cedo ou tarde, para a transmissão digital caso queira continuar assistindo à TV aberta.

12) Quando poderei ter acesso ao sinal digital?

Todas as emissoras de TV aberta estão trabalhando desde 2006 para levar o sinal de TV Digital às cidades brasileiras e ele já está presente em mais de 700 municípios no país. Se a sua cidade já tem o sinal digital, você pode assistir à programação. No Site Seja Digital é possível descobrir em que cidades o sinal digital já está habilitado.

Assuntos que também são interessantes para você =D


« Voltar

Comentários