BLOG POST

internet  |  23 de março de 2018




Compras pela internet. Aproveitando as vantagens sem se expor aos riscos.

Faz tempo que comprar pela internet deixou de ser um bicho de sete cabeças, mas mesmo com os recursos de segurança na rede cada vez mais avançados, os golpes ainda acontecem. Então, o que fazer para se proteger? O segredo está em uma palavra: informação. É isso mesmo, pois quanto mais informação sobre o processo você tiver, melhor para se prevenir. E quanto menos informação você repassar, estará mais seguro. Entendeu? Vamos explicar em detalhes. Acompanhe!

Identificando

O vendedor, pessoa jurídica ou física, tem a obrigação de informar no site o nome empresarial, CPF ou CNPJ, endereço físico e eletrônico, telefone para contato, enfim, todas as informações necessárias para que você possa fazer uma confirmação de autenticidade.

Avaliando

Uma pesquisa mais aprofundada nos sites de busca e avaliação pode ajudar você a traçar um perfil do vendedor. Elogios e reclamações circulam pela rede e constituem uma base de informações preciosas. A reputação é tudo para um vendedor sério.

Desconfiando

A diferença de preços entre um vendedor e outro, geralmente, não é muito grande. Somente quando acontecem as promoções mais agressivas, tipo Black Friday, por exemplo, é que temos alguma mudança significativa nesse cenário. Por isso, desconfie das ofertas arrasadoras com descontos fantásticos, mesmo em ações promocionais.

Protegendo-se

Cabe a quem vende oferecer mecanismos que garantam o sigilo das suas informações e a segurança na transação de pagamento. Verifique na página, na hora da compra, se na barra de endereço do navegador, na parte superior, há um cadeado com a inscrição: Seguro.

Já a você, cabe usar, de preferência, apenas computadores, notebooks, tablets ou smartphones de uso pessoal. Além disso, mantenha atualizados os programas antivírus, de monitoramento de spywares e o firewall.

Reforçando

Nunca forneça informações além daquelas que são solicitadas nos sites de compras. Faça uma comparação entre eles e você vai ver que, geralmente, são as mesmas.Outra dica: dê preferência para o pagamento com cartões de crédito. As operadoras têm outros mecanismos de proteção e fica mais fácil sustar os pagamentos em caso de fraude.

Seguindo essas dicas, você vai estar muito mais seguro na hora de comprar pela internet. Sem precisar sair de casa, pegar trânsito, achar vaga para o carro e tudo mais, é muito mais confortável. Aproveite!

Fontes: O Globo/Procon

Assuntos que também são interessantes para você =D


« Voltar

Comentários